A hipnoterapia para traumas psicológicos

Postado em 6 de março de 2018

traumas psicológicos

A vida é marcada por uma série de eventos que definem grande parte da nossa personalidade.
Alguns acontecimentos podem apresentar um caráter negativo e acabar influenciando nosso dia a dia e até nossos relacionamentos. Esses eventos são os chamados traumas psicológicos.
Mas, o que é trauma? A palavra trauma significa lesão ou ferida produzida por ação violenta e externa ao organismo e pode ou não deixar sequelas.
Na visão da terapia, o trauma ocorre pela incapacidade do sujeito em superar determinado acontecimento na sua vida ou que a maneira encontrada para lidar com o evento traumático não foi a mais adequada, pois a carga emocional foi mais intensa do que o indivíduo pode suportar.
A sequela emocional que um trauma causa vai depender da intensidade da violência do trauma e da capacidade da pessoa, seja criança ou adulto, de elaborar psiquicamente a situação ocorrida.
O trauma deixa marcas que podem impedir a pessoa de fazer aquilo que tem vontade na vida, inibindo a energia de se viver com plenitude.
Os traumas psíquicos podem ser ocasionados por uma série de fatores: abuso sexual, violência física ou moral, perda repentina de entes queridos, abuso psicológico, níveis graves de stress, sustos intensos, entre outros.

Como a hipnoterapia ajuda a superar um trauma?
A mente emocional (sistema límbico) não sabe a diferença do ontem, hoje ou amanhã, para a mente emocional tudo é agora.
O trauma é uma memória carregada de carga emocional negativa, ou seja, quando nos lembramos de um fato traumático, automaticamente sentimos as sensações, emoções ou sentimentos ruins derivados do trauma. Sendo assim, uma pessoa que já foi abusada sexualmente, por exemplo, quando se recorda do abuso traz para o presente às sensações e sentimentos que sentiu por ser abusada no passado.
Se fosse somente isso, estaria ok, bastaria apenas não falar, não se lembrar do fato que não haveria o problema, mas a mente não funciona assim. Uma vez gerado um trauma a mente cria gatilhos com funções de defesa, que servem de alertas para um possível novo abuso, esses gatilhos fazem a mente acessar a memória traumática e com isso a pessoa traz todas as sensações, emoções e sentimentos ruins contidos na memória.

Então, o que fazer?
Como os gatilhos podem ser qualquer coisa externa e até mesmo interna e podem ser vários, o segredo está em trabalhar a memória traumática.
A ciência provou que não podemos apagar memórias, mas com a hipnoterapia é possível mudar o significado emocional traumático que está contido na memória, conseguimos neutralizar o trauma e tirar toda a carga emocional ruim e negativa que havia lá.
Neutralizando a emoção, sensações e sentimentos ruins, a memória permanece, mas não será mais traumática, será apenas uma memória como outra qualquer, sem significado emocional negativo, será apenas uma lembrança de algo ocorrido para um possível aprendizado, mas não mais trará dor e nem deixará a pessoa presa a essas lembranças.
Sendo assim, o que estava dificultando, travando e limitando a pessoa, não ocorre mais, deixando-a livre para ser ela mesma.
Um sábio já disse: “Não se pode voltar atrás e fazer um novo começo, mas podemos mudar agora e fazer um novo fim”.
Elimine os traumas da sua vida e viva uma vida mais plena e mais feliz.

Por: Alex Cruanes
Hipnoterapeuta
Diretor da Hipnose Clinic
Contato: 4653-0063 / 96020-2806
www.hipnoseclinic.com.br

Compartilhar

Outros Posts